segunda-feira, 1 de julho de 2013

Pusilanimidade (só para os fracos)


Quantas vezes você teve medo de se expressar?
Quantas vezes deixou de tomar posse do "novo" por ter medo?
Quantas vezes ficamos sentados no meio fio,esperando o sol nos aqueçer,por medo de enfrentar toda a vida que corria do outro lado da rua?

Quantas vezes você teve medo de ficar sozinho?
Quantas vezes eu fiquei com medo de não ser o suficiente pras pessoas ao meu redor....
Quantas vezes eu quis ficar,ao invés de ir...por simplesmente temer o que possivelmente viria....
é dificil lidar com o medo.....
o medo as vezes parece trancar as portas da sua casa,pra não te deixar sair,pra não te deixar ver o nascer da boa nova la fora
Houve um homem que foi posto a frente de um povo como líder,sem ao menos saber como lidar com isso,sem saber como lidar com o "novo"
com certeza ele tinha medo,da reação das pessoas,do que elas falariam dele,do que achariam dele,mas isso era minúsculo perto da segurança que Deus lhe dava com suas palavras,só assim ele pode prosseguir

Mesmo não sabendo como,nem por onde começar ele foi,não por ele mesmo,mas pelas Palavras daquele que já venceu primeiro por ele
Não dê ouvidos ao medo,nem o deixe viver com você,atire ao lixo como aqueles papéis inúteis que você guarda na gaveta do teu quarto!

"lembre da minha ordem "seja forte e corajoso,não fique desanimado,nem tenha medo
porque eu o Senhor teu Deus,estarei com você em qualquer lugar para onde você for"


E antes deles tiveram muitos outros,que também tiveram medo,e depois dele vieram outros,e ainda hoje a outros tantos andando na mesma calçada,sorrindo com a gente,sendo parte da gente,ou a gente mesmo...

Confie Nele,na promessa dele,no tempo dele

Lance fora o medo e todas as suas vertentes!

"ainda que eu ande pelo vale da sombra da morte o teu amor lança fora o medo"



POR:LUAN IDJOVEM

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A ansiedade e tudo o que o ela me rouba...

Talvez você já tenha lido algum texto meu sobre a ansiedade. E é incrível como ela parece fazer parte da minha vida. Mesmo que hoje e...